© 2018 por Gespro  |  Termos de uso e Política de Privacidade  |  Rio de Janeiro - RJ  |  CNPJ: 33.519.510/0001-29

  • Whatsapp
  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Gespro
  • YouTube ícone social

Microsoft Project e SharePoint: união perfeita para gerenciamento de projetos

(Reproduzido do site da Microsoft TI & Negócios)

 

 

 

Para dar conta do novo modo de trabalhar, a gestão de projetos evoluiu de um conceito baseado em servidores compartilhados para a sofisticação de soluções como o SharePoint Server.

 

 

 

Administrar projetos é uma tarefa rotineira, mas que tem grande impacto sobre o desempenho dos negócios. É por meio desses processos de gerenciamento que as organizações podem garantir a visibilidade e o controle sobre o trabalho, maximizar a utilização dos recursos, aprimorar a tomada de decisão e, em última instância, assegurar que a estratégia da empresa está sendo cumprida.

 

Qualquer que seja o tamanho, os projetos geralmente exigem conhecimento e recursos de diversas equipes em diferentes departamentos ou mesmo escritórios regionais. Além disso, a Internet e as redes sociais, mais recentemente, levaram as organizações a trabalharem de uma nova forma. Nesse cenário, para que os projetos sejam bem sucedidos, precisam contar com ferramentas eficazes de colaboração e comunicação.

 

Para dar conta do novo modo colaborativo de trabalhar, as ferramentas de gerenciamento de projetos evoluíram de um conceito inicial baseado em servidores compartilhados para a sofisticação de soluções como o Microsoft Project Server 2010, uma das principais ferramentas de gerenciamento de projetos da Microsoft, foi desenvolvido sobre o SharePoint Server 2010 e combina avançados serviços de gestão e colaboração.

 

 

 

A partir da integração dessas tecnologias, as empresas usuárias do Project Server 2010 podem centralizar a iniciação dos projetos e alinhá-los com a estratégia de negócios. Entre os benefícios obtidos com esse enfoque, estão:

  • Seleciona projetos que se alinhem aos objetivos estratégicos, de acordo com a variação das restrições orçamentárias; 
     

  • Ajusta as agendas dos projetos para maximizar a utilização dos recursos; 
     

  • Padroniza a coleta de dados e o desenvolvimento de casos de negócio
     

  • Captura todo o trabalho (projeto e não projeto) em um repositório central;
     

  • Estabelece e impõe controles de governança;
     

  • Atribui responsáveis por aprovações aos principais pontos de verificação.
     

  • Um único servidor com recursos completos de PPM (Project and Portfolio Management), projetado para capturar, selecionar e entregar projetos.
     

A Microsoft recebeu a mais alta classificação no Gartner Project and Portfolio Applications MarketScope para o Project Server 2010. Esse relatório é uma evolução do Gartner Magic Quadrant 2010 para Gerenciamento de Projetos e Portfolio de TI. Especificamente, a Microsoft recebeu a classificação "Strong Positive".

 

 

Facebook
Twitter
LinkedIn
Please reload

Posts Recentes
Please reload